• Nael Rosa

Chuvas de setembro destruíram nove pontes na zona rural de Piratini

Foto: divulgação

Ponte do Barrocão foi destruída pela enxurrada

As chuvas torrenciais do mês de dezembro causaram a destruição de nove pontes na zona rural de Piratini, prejudicando o ir e vir de moradores e o escoamento da produção de madeira no caso do 4ª Distrito, onde fica situado o polo madeireiro.


Segundo o secretário de Infraestrutura e Logística, Alessandro Krause, devido a Prefeitura possuir somente quatro funcionários para o conserto de travessias, a correção dos problemas que atingem os cinco distritos vai demandar tempo, mas as comunidades não estão isoladas por causa disso.


“Há outras saídas que proporcionam as pessoas circularem, mas a destruição foi grande, pois fazia muito tempo que o município não registrava uma enchente tão grande, foram mais de cem milímetros que vai nos obrigar a refazer as travessias por completo”, disse Krause.


Segundo o secretário, o maior problema está no Barrocão, 4º Distrito, e que permite chegar a BR 392, onde a enxurrada destruiu uma ponte de 40 metros de comprimento. Além disso, as enchentes destruíram também a tubulação que permite o escoamento da água da chuva, sem falar na deterioração das estradas que já haviam recebido manutenção.


“São muitos problemas. Bueiros destruídos os quais a reposição não será fácil porque o município tem um déficit nesse sentido. Há também muitos problemas de erosão. Tudo isso está fazendo com que utilizemos funcionários da Secretaria de Urbanismo para que possamos organizar mutirões para realizar tanto consertos. Quanto as estradas, vamos ter que refazer praticamente tudo, portanto vai demorar um certo tempo para que possamos voltar à normalidade”, finalizou.


Reportagem: Nael Rosa

Contato: 9-99502191

Email: naelrosaeufalei@gmail.com


413 visualizações
Modelo anúncio entre notícias2.png
Modelo anúncio entre notícias2.png