• Nael Rosa

Maria Flor completa quatro anos e supera expectativa de vida prevista pelos médicos

Foto: Divulgação

Família fez uma festinha para celebrar os quatro anos de Maria Flor

A menina piratiniense Maria Florência Alves Mouler Duarte, a Flor, que por diversas vezes mobilizou a comunidade através de campanhas nas redes sociais para que sua família se mantivesse financeiramente, completou quatro anos no domingo, 20 de julho.


Flor tem um tipo grave de Atrofia Muscular Espinhal, (AME) com o agravante de insuficiência respiratória, assim necessita ficar conectada 24 horas por dia um respirador, fator que obrigou os pais e os dois irmãos fixarem residência em Canoas.


Com dificuldades financeiras permanentes, há um ano os pais de Flor obtiveram na Justiça o direito de que o Estado bancasse os cuidados através de profissionais de saúde, e com isso a menina pode sair do Hospital da Universidade Luterana (Ulbra) e foi para casa, onde celebrou seu quarto ano de vida em uma festa bancada pelos amigos e cuidadores, superando as expectativas dadas pelos médicos diante do diagnóstico.


“É claro que há dias mais difíceis, mas no geral ela chega muito bem há mais um aniversário, o primeiro fora de um hospital. Para mim é uma emoção indescritível, pois ela supera o que foi previsto e nos foi dito quando foi diagnosticada com a doença. Eu como pai aprendi a viver um dia de cada vez, assim não tenho expectativas para o amanha, para mim é o hoje que importa então é uma emoção que ela tenha completado mais um aniversário”, comemora Luís Paulo.


Reportagem: Nael Rosa

Contato: 9-99502191

Email: naelrosaeufalei@gmail.com

279 visualizações
Modelo anúncio entre notícias2.png
Modelo anúncio entre notícias2.png