• Nael Rosa

Morador do terceiro Distrito reclama e secretário promete solução rápida


Na foto enviada pelo morador, a situação do bueiro que oferta perigo aos condutores

Sendo o responsável pela maior produção agrícola de Piratini, o terceiro Distrito tem um histórico de reclamações frequentes na mídia, reclamações estas que se concentram na manutenção das estradas que permitem o escoamento de tudo que ali é produzido e gera arrecadação para o município.


Nesta segunda-feira (27), o morador Emerson Guterres de Moura, 35 anos, recorreu à reportagem Eu Falei em busca de auxílio, para, segundo ele, tentar mobilizar a prefeitura a dar uma solução definitiva à situação.


Ele enviou fotos de um trecho da estrada do Chapadão, onde mora, e que em sua opinião oferta risco a quem trafega.


Trata-se de um bueiro rompido, que conforme Emerson, teve reparos feitos por funcionários da Secretaria de Infraestrutura e Logística no final de junho, mas na opinião do residente, insuficientes para solucionar o problema.


“Tem sido assim. Eles vêm, jogam terra para tapar e deu. Há risco de acidente principalmente à noite devido a falta de sinalização do perigo, pois o aterro cedeu e os tubos quebraram, já que há um transito pesado pelo local onde passam caminhões e máquinas agrícolas usadas na plantação e no transporte de soja e milho principalmente”, explica Moura.


Ele opina qual a solução deve ser dada: “ entendo que precisa mudar a localização do bueiro mais para frente, portanto isolar o atual. Tem que também mudar o curso da água, o que é possível fazer utilizando a retroescavadeira”.


Quanto à manutenção das estradas, Moura disse que os moradores estão cansados de repetidos apelos para que tenham estrutura para escoar a produção. Ele registra que não é um problema recente, pois ouve seu avô contar que isso ocorre há muito tempo.


“ Nos repetimos na busca por ajuda há muitos anos e anos, ou seja, isso aqui já é a normalidade. Recorro à imprensa para tentar influenciar outros plantadores daqui a continuar com as reclamações”, disse o reclamante.


O Eu Falei fez contato com Rodrigo Bueno, que assumiu este ano a secretaria responsável por este tipo de serviço. Ele deu sua opinião sobre o problema causado pelo bueiro em questão e garantiu que, se tudo der certo, amanha o reparo será feito.


“ Realmente é recorrente essa situação, o que acontece devido não só ao transito pesado que passa pelo local, mas também devido a grande vazão dá água quando ocorrem fortes chuvas. Estivemos no local e fizemos um reparo, mas não o que seria necessário que é a troca de toda a tubulação, sendo a razão disso a falta de bueiros na prefeitura. Estamos organizados para nesta terça-feira (28), ir até este trecho e mudar a tubulação a qual já possuímos”, assegurou Bueno.


Sobre as estradas, o secretário disse que a manutenção é feita conforme o cronograma de trabalho e que o distrito em questão, desde que as condições climáticas permitam, receberá a devida melhoria em breve.


“ Se não tivermos chuvas que impeçam de realizar o serviço, essa localidade será alvo de manutenção em breve, pois no momento estamos no Alto da Serra e posteriormente chegaremos ao Corredor da Dentista, Capela, e por fim, o Chapadão”, explicou o gestor.


Reportagem: Nael Rosa

Contato: 53-9-99502191

Email: naelrosaeufalei@gmail.com

528 visualizações
funeraria.jpg
1/2
1/2
Registre-se no nosso site e receba avisos de novas notícias!
  • perfil oficial

© 2021 por Nael Rosa. Produzido por Piratini Commerce