• Nael Rosa

"Usamos uma mangueira de jardim para impedir que o fogo atingisse as casas", conta dono da Valtur

Foto: reprodução Facebook

Sinistro consumiu totalmente o veículo avaliado em R$ 70 mil

Segundo Valdecir Pinto, proprietário do veículo, seu funcionário ligou o motor para aquecer o transporte antes de rumar para a busca de trabalhadores do Polo Madeireiro, quarto distrito. Foi quando o mesmo começou a soltar fumaça e logo a seguir ficou em chamas.


Eu acho que ele se assustou, pois, por exemplo, poderia ter retirado os cabos da bateria. Mas não teve jeito. Para evitar que o fogo atingisse algumas das residências, usamos uma mangueira de jardim e um lava jato para apagar o fogo que atingiu o tanque, pois esse estava cheio de óleo Diesel. Também tivemos a ajuda dos moradores. O caminhão do Corpo de Bombeiros chegou três horas depois, o que é normal, pois o mesmo vem de Pelotas”, contou Pinto.


Ele disse que tem outros veículos, mas que se sente de mãos atadas, já que fazia apenas seis meses que havia adquirido o bem material pelo qual pagou R$ 70 mil. O empresário lamentou a não existência de no mínimo um caminhão tanque no município para atender esse tipo de emergência.


“ Se tivesse um caminhão tanque em Piratini para nos ajudar, teríamos evitado grande parte da queima”, lamentou.

Reportagem: Nael Rosa

Contato: 53-9-99502191

Email: naelrosaeufalei@gmail.com

840 visualizações
funeraria.jpg
1/2
1/2
Registre-se no nosso site e receba avisos de novas notícias!
  • perfil oficial

© 2021 por Nael Rosa. Produzido por Piratini Commerce