top of page
  • Foto do escritorNael Rosa

Prédio que vai abrigar o Centro Comercial e a Estação Rodoviária de Piratini custará R$ 730 mil

Foto: Nael Rosa

A terraplanagem e as fundações que darão origem ao prédio já foram concluídas

Duas etapas, sendo estas terraplanagem e fundação, já foram concluídas na obra que resultará no Centro Comercial e também na nova Estação Rodoviária de Piratini, que está sendo construída na Rua 24 de Maio.


Segundo o secretário de Planejamento, Desenvolvimento e Projetos do município, Daniel Farias, o prédio, que terá 300 metros quadrados, surgiu de um entendimento do poder público municipal e também do Ministério Público (MP) de tirar do Centro Histórico os camelôs e os trailers que vendem lanches e são fixos, para uma área de livre comércio. Ainda de acordo com Farias, pesou também o fato de que há alguns anos a comunidade sofre com a falta de referência de uma rodoviária.


“Agora teremos um local adequado e de fácil acesso, tanto ao centro da cidade quanto à ERS-702”, destacou o secretário, fazendo uma referência à facilidade que os ônibus terão para trafegar.


Pelo cronograma contratual, o empreendimento, que ficará pronto em novembro e custará R$ 730 mil aos cofres da Prefeitura, abrigará 30 espaços de 2,5 por 3 metros, e a assessoria jurídica do município está debruçada sobre o regramento de quem terá direito a ocupá-los.


“Estamos trabalhando nesse sentido e isso resultará em um projeto de lei que será enviado para análise da Câmara de Vereadores. Entendemos que, primeiro, devem ser beneficiados aqueles que já ocupam os espaços públicos e, havendo a possibilidade de contemplar mais alguns, que tenham regras na forma de selecionar”, explicou Farias.


Reportagem: Nael Rosa

248 visualizações

Comments


Modelo anúncio entre notícias2.png
Modelo anúncio entre notícias2.png
bottom of page