• Nael Rosa

"Se não chover, há possibilidade de racionamento em 15 dias", diz gerente da Corsan


Reservatório do Balneário Carlos Carvalho se mantém estável

A estiagem que castiga quem reside na zona rural onde há três meses falta água até para consumo humano, agora ameaça também que reside na cidade e é abastecido pela Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN).


Na segunda-feira (09), o gerente da companhia, Danilo Vaz, disse que se as chuvas não vierem o mais rápido possível e o nível das águas da Unidade de Capitação não subirem, o racionamento não está descartado.


“Temos avaliado diariamente os níveis do reservatório do Balneário Carlos Carvalho e não percebemos grandes mudanças, mas se não chover significativamente, em duas semanas é possível sim que comecemos o racionamento”, disse Vaz.


Ele pede à população que se some a essa preocupação e use água somente para consumo humano, preparo de alimentos, higiene pessoal e do lar, pois se isso for feito será possível estender essa expectativa de 15 dias.


“Pedimos que, por exemplo, carros e calçadas não sejam lavados, pois nossa condição atual e a perspectiva de que talvez só tenhamos chuvas a partir de abril, não nos permite desperdícios como os citados”, requisitou o gerente.


Ainda sobre a zona rural, a Prefeitura ganhou um reforço de um caminhão do Exército Brasileiro que se somou ao veículo do município e ajudou na distribuição de água potável nos dias 06, 07 e 08 de março, e com isso foi possível abastecer o reservatório das 160 famílias que requisitam o líquido, ajuda que precisaria continuar, segundo o secretário de Agricultura do município.


“O ideal é que o Exército mantivesse a ajuda, já que classifico a situação como terrível. Precisamos de reforço, o que esperamos obter do governo federal que acaba de reconhecer o nosso decreto de situação de emergência, e com isso esperamos conseguir recursos para locar outro caminhão pipa, pois antes as situações mais graves eram no 1º e 5º distritos, já agora todas as cinco zonas rurais precisarão ser abastecidas e nós não temos essa condição”, assegura Jovan Lima.


Nael Rosa- redator responsável

Wats: 53-984586380

Cel: 9-99502191

Email: naelrosaeufalei@gmail.com

556 visualizações
funeraria.jpg
1/2
1/2
Registre-se no nosso site e receba avisos de novas notícias!
  • perfil oficial

© 2021 por Nael Rosa. Produzido por Piratini Commerce